Demonstração de Pintura – A vila.

Olá gente,

Para alimentar um pouco mais o conteúdo desse blog, resolvi por uma demonstração de pintura. Não é bem um tutorial, mas pode até servir como um. Não que eu seja lá essas coisas, mas como alguma coisa eu sei então obviamente que gostaria de compartilhar com vocês.

Obs: Se quiser ver as imagens em tamanho maior, basta clicar nelas.

Pintura – A vila

Não, não tem nada a ver com o filme. Trata-se de uma ilustração do meu livro “As Lâminas do Inverno” (ainda em produção), – (seção ali ao lado).

the_village_final_2


Na figura, temos Nynther Yanath, um dos personagens centrais da história, contemplando o vale no qual o bando que ele comanda reside.

De início eu tinha uma idéia do desenho tendo como um peso a figura do personagem. Do outro, estão as pedras e o acampamento. Cortando a imagem em três partes, estão 3 planos. A grama, as montanhas e o céu.

Esboçada a linguagem visual da imagem. Fiz o desenho/esboço da pintura.

the_village_sketch_menor1Como podem ver, eu inseri todos os elementos que eu desejava logo no desenho. O esboço foi feito de maneira tradicional, mas eu poderia fazer digital se quisesse. Como eu não quero de forma alguma perder a prática, decidi fazer desenho manual mesmo. O desenho foi feito em uma folha A3 (420 x 297 mm).

A seguir, escaneei a imagem no Photoshop. A grande maioria dos desenhistas prefere escanear a imagem em 2 partes (nada mais natural, uma vez que uma A3 = duas A4). Eu prefiro escanear em 3 partes, porque perde-se um pouco do desenho quando escaneado em duas. Após o scan, eu aumento um pouco do contraste da imagem para tornar os traços mais nítidos (uma vez que a luz do scanner “apaga” muitos traços de lápis).

Feito isso, agora vem uma parte que eu acho bem bacana, a de separar aonde está o foco de luz e os tons. Por causa das opções dos programas de pintura digital, existem milhares de formas de se fazer isso. Invente a sua! (parece até aquele produto lá…).

Enfim, eu crio uma nova camada em Multiplu no PS e jogo um tom cinza por todo o desenho. Muitas pessoas se perguntam: Porque diabos o cinza? – eu mesmo já fiz a mim mesmo essa pergunta várias vezes, até testar… a verdade é que: o tom de cinza, por ser neutro, ajuda na visualização dos traços além de que, um dos passos básicos da pintura é estabelecer os tons de intensidade de luz em tons de cinza. Após jogar a camada cinza, eu transfiro a imagem para o Corel Painter e começo a trabalhar nos tons de cinza.

the_village_wip1_menorPortanto, aqui eu já tenho uma idéia do que eu vou querer para o meu desenho.  Note que aqui, eu quero que a luz venha da direita para a esquerda, iluminando o personagem. (Aproveitei para aumentar o tamanho da cimitarra que estava pequena demais!).

Passemos para o próximo passo, que é a seleção das cores. Esta etapa é uma parte rápida to processo também. Por isso, como muitos desenhistas eu opto por usar a ferramenta aquarela do Painter. Crio uma nova camada e pinto rapidamente estabelecendo quais as cores base que vou querer na pintura. Veja abaixo:

the_village_wip2_menorVeja que aí estão as cores brutas de todo o processo, e que eu ainda estou trabalhando com a camada principal do traço, intacta. Neste ponto eu já reforço um pouco a sombra de alguns elementos, como na montanha e no personagem. As nuvens começam a se formar também. Agora vem uma parte bem legal, que é a de definir as coisas. Neste ponto eu já juntei a camada da pintura com a dos tons de cinza.

the_village_wip3_menorNeste ponto, eu defini melhor muitas coisas. O céu já está bem detalhado. Neste ponto, vale a velha lei da pintura, na qual pintamos primeiro o que está em último plano até o que está em primeiro plano. Aqui ainda estou usando a camada em Multiply.  Perceba que o desenho ainda está muito escuro, sem brilho, sem vida. Além disso, o vale está longe de estar detalhado. Tem gente que prefere fazer logo isso, eu prefiro deixar para o último passo. (que é o mais trabalhoso, mas o mais legal de se fazer).

É então que eu junto todas as camadas em uma só, e começo a pintar igual como se estivesse fazendo em tela. Esse processo é o que consome mais tempo na pintura, mas também é o que você vai vendo a pintura de verdade se formar. Aqui é mais do que fundamental a pessoa ter referência. O google está aí para todos. Lembrem-se que eu disse REFERÊNCIA, e não cópia. Portanto, eu fui atrás de referência de montanhas, cimitarra, armadura de couro, pedras, etc. Você pode usar uma imagem real ou de algum artista muito bom como referência!

the_village_final_3Eis que então eu chego na parte final da pintura. Eu a deixo com mais vida e faço com que o personagem realmente pareça que esteja no cenário. Reforço a luz no canto direito e no personagem, terminando dessa forma a pintura. Perceba também que nesta ilustração, eu quis dar uma ênfase e detalhamento mais no personagem do que no resto em si.

Espero que tenham gostado dessa pequena demonstração e que ela seja útil para você alguma hora.

Tempo Gasto na pintura: Mais ou menos 7 horas (eu sei, podia ser menos, mas é que diversos fatores me atrapalharam).
Material Utilizado: Softwares: Adobe Photoshop CS3, Corel Painter IX, Tablet Wacom Graphire 4 4×5, Papel A3 60kg e Lápis 2b.

Nota: Se você gosta de usar o Photoshop, todo esse processo pode ser feito com brushes equivalentes. No Corel Painter eu uso mais o Round Camelhair, Watercolour, Chuncky Oil Pastel, Glow FX e obviamente a borracha. No PS eles podem ser substituídos pela combinação de Brushes básicos do PS e a opacity e flow. No caso do Glow FX, o Dodge e Burn Tool são algo similares.

9 Respostas to “Demonstração de Pintura – A vila.”

  1. Lubasa Says:

    muito boa pintura =]
    gostei principalmente do ceu

  2. Eu quero mais ilustrações de GAIA!

  3. Valeu man!😀

  4. Tiago (agares) Says:

    As dicas foram ótimas, testei e os resultados foram surpreendentes! parabens

  5. Caro Tiago (agares). Fico feliz que essa pequena demonstração tenha lhe ajudado! Essa era a intenção do post. Farei outros mais pela frente!

    Obrigado!

    P.S: Adorei o cachorro😀

  6. ola
    ñ tenho site, mas gostei de ver seu trabalho, estou pintando, meu estilo é sulrelismo, e sinto muita dificudade de pintar o céu, tenho imagens linda , fantasticas de céu, imagino em pint-las, todas ela, mas confeço, não estou conseguindo, poderia me enviar algo que me ajude?
    ficaria muito grata.
    gostaria de poder te enviar algumas de minhas telas para que vc podesse avaliar, ma~s fico na espectativa de sua resposta
    abraços
    adelia

  7. Olá Adelia!

    Primeiramente, gostaria de agradecer os elogios. Foram muito apreciados!

    Bom, você já tem o primeiro passo que são as referências. Confesso também que não possuo nenhum material que possa ajudar em relação a pintura do céu. Mas acredito que um exercício bastante útil seja fazer uma pintura rápida, tal qual os impressionistas. Ou seja, o que quero dizer é: procure um lugar em que você possa se sentar sem ser incomodada e procure pintar de forma rápida e gestual, a paisagem que você vê. Para isso é claro, utilize suportes pequenos, como uma tela de 20x30cm ou coisa do tipo. Acredito que isso ajudará bastante.

    Outra coisa que você pode fazer, é procurar no youtube por demonstrações de pintura. Existem diversos vídeos por lá desse tipo. Observando a técnica com atenção ajudará bastante também.

    Bom, gostaria de ver suas telas. O surrealismo é um estilo bastante interessante e que eu particularmente, gosto muito, apesar de jamais ter tentando produzir algo do tipo. Se quiser pode me mandar as imagens pelo meu email, na parte de contatos do blog.

    Espero que tenha lhe ajudado em algo.
    Abraços
    Rodrigo

  8. Luciana Mendes Says:

    parabéns pelo despreendimento de seu saber artístico… sou professora de arte de uma escola estadual e tenho pouco material para trabalhar com meus alunos… gostaria de saber se posso utilizar este. Obrigada.
    Luciana Mendes/ Cachoeira de Minas- MG

  9. Na verdade eu sei pouco Luciana. Mas o pouco que sei procuro repassar.

    Bom, esse blog/site é antigo. Você pode visitar o meu site novo que tem tutoriais melhores por lá. Para entrar basta clicar no meu nome.

    Pode usar a vontade o material, contato que disponha os créditos do autor.

    Obrigado🙂.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: